Espetáculo de dança incluiu filmes de sucesso da Disney em uma noite de magia no Cinema Henfil - Foto: Michel Monteiro

Foi um sucesso o espetáculo de dança “Clássicos Disney”, com músicas dos príncipes e princesas personagens dos filmes produzidos pelos estúdios Disney. A apresentação ocorreu no último sábado (18/03), no Cinema Público Municipal Henfil, como parte da programação organizada pela Secretaria de Cultura. A criançada compareceu em peso e não desviou a atenção do palco nem na troca dos bailarinos – em sua maioria, crianças e adolescentes – que, fantasiados, interpretavam “A Bela e a Fera”, “Cinderela”, “Doroty e o Mágico de Oz”, “Peter Pan”, “Alice no País das Maravilhas”, “Frozen”, “Rapunzel” e “Sofia”, além de vilões, bruxas, fadas e Abracadabra.

Responsável pela criação e direção do espetáculo, a coreógrafa Lídia Maria interpretou uma bruxa e falou sobre seu objetivo à frente da companhia de dança. “Acho que de forma lúdica a gente consegue fazer com que as crianças gostem mais de arte, cultura, dança e música, que é o que a gente está precisando hoje em dia. Quando escolhemos o tema ‘Clássicos Disney’, fizemos pensando em conquistar essas crianças e tentar passar para elas que além do gosto pela arte ser muito importante, o bem sempre vence o mal”, explicou.

Marilene Faria representou a bruxa Teodora do Mágico de Oz e falou sobre a possibilidade de se apresentar num evento gratuito para os pequenos. “Foi tudo maravilhoso. Com esse espetáculo é a terceira vez que nos apresentamos, mas normalmente fazemos como conclusão de curso. Hoje foi diferente, num palco de cinema com toda uma infraestrutura, então foi super legal. A receptividade das crianças também foi muito boa, até porque eram os clássicos da Disney e as crianças ficam encantadas com isso”, disse sorridente.

Ao lado do marido, Everton Marques (31) e do filho Tales Francisco (3), a moradora do Flamengo, Glaucia Oliveira (31) falou sobre não precisar mais sair da cidade em busca de entretenimento para o filho.  “Aqui em Maricá a gente não tinha nada para fazer. Agora está tendo todo sábado, então a gente está vindo. Essa é a segunda vez que venho em evento infantil e é uma programação cultural diferente, então entendo pretendo vir mais vezes”, contou.

Com apenas 8 anos, Vitória Bittencourt Fagundes, moradora do bairro Boa Vista, estava com a prima. “Estou achando tudo legal, as princesas e todas as coisas. O que mais gostei foi A Bela e a Fera”, disse. Maria Eduarda Silveira Ramos, 10 anos concordou. “Já tinha vindo outro dia aqui pra ver uma apresentação de balé e sapateado. Mas hoje, elas são muito legais. Eu adorei a parte da Jasmine com o Aladin”, disse.

Juliana de Almeida Pereira (19), que interpretava a Jasmine, agradeceu: “Acho maravilhoso quando a gente entra no palco e vê a carinha das crianças felizes olhando a gente dançar. Muitas crianças queriam estar no nosso lugar e é muito bom a gente poder espalhar cultura no meio de todos”, contava com brilho nos olhos.

Ariel França de Castro (18), o Aladin, falou sobre experiência de vida. “Nós ingressamos na Cia das Artes para poder evoluir como bailarinos e isso nos ajuda também na nossa vida porque tudo que a gente faz no balé influencia nossa vida como postura e aprendizados de maneira geral. Então está sendo maravilhoso”, avaliou. Apresentações de dança cigana, hip hop e uma viagem pelo Rio de Janeiro através do esquete “Canta Brasil samba nas pontas” também fizeram parte da programação.

Deixe uma resposta