Secretários de Desenvolvimento Econômico discutem parcerias entre os municípios - Foto: Daniel Luiz

Com o objetivo de integrar as ações de desenvolvimento nos municípios do Leste Fluminense, secretários de Maricá, Niterói, Itaboraí e Rio Bonito se reuniram na manhã desta quarta-feira (12/04) na sede da Companhia de Desenvolvimento de Maricá (Codemar) para discutir os planos estratégicos econômicos para geração de renda e empregos nas localidades. A ideia é agregar investimentos e disponibilizar equipamentos públicos já disponíveis para servir no apoio logístico com a orientação do Sebrae. Proposto pela Prefeitura de Maricá será criado o Conselho de Desenvolvimento Econômico do Leste Fluminense (Cedel) em reunião na cidade de Rio Bonito no próximo dia 18 de maio.

O objetivo é unificar as regiões. “A nossa finalidade é integrar as regiões do leste fluminense para pensar em políticas de desenvolvimento comuns no Estado do Rio de Janeiro. É imprescindível que a análise do desenvolvimento passe a partir desta unidade entre essas cidades que compõem a região”, afirma Alan Novaes, secretário de Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Petróleo de Maricá. O Cedel será composto de outros setores como empresas, Câmaras de Dirigentes Lojistas, Associações Comerciais, Conselhos Municipais de Desenvolvimento, Firjan e Sebrae. Os municípios de São Gonçalo e Tanguá também farão parte do Cedel.

Através do Conselho, os secretários esperam trocar experiências e implementar programas que já deram certo em outros municípios e também complementar as atividades para que uma cidade não desenvolva a mesma ação de outra, além de dar condições para o empreendedorismo e qualificar a mão de obra que irá atuar em grandes empreendimentos.

Parte dessa integração passa pelo aeroporto municipal de Maricá. O presidente da Codemar, José Orlando, apresentou as alternativas que a estrutura do aeródromo pode oferecer com apoio logístico como, por exemplo, para o Comperj, e também como receptor de passageiros de aviões executivos já que Maricá está localizada próxima às demais localidades. “Nosso objetivo é fazer com que os municípios saibam da existência do aeroporto e do seu potencial que passa também pelo plano de crescimento e expansão. A nossa ajuda viria da conexão do que cada município tem hoje em relação aos projetos de desenvolvimento local com o que temos aqui a oferecer de estrutura”, disse.

Participaram do encontro os seguintes representantes: Robert Guimarães e Igor Valdez, da Secretaria de Desenvolvimento de Niterói; Bruno Soares (secretário de Desenvolvimento de Rio Bonito); Roberto Lucero (secretário de Desenvolvimento de Itaboraí); Daniel Vieira (representando o vereador Aldair de Linda, presidente da Câmara de Maricá); Marisete Cardoso (Câmara de Dirigentes Lojistas de Maricá); Fernanda Melo (Sebrae); e Américo Diniz Neto (coordenador Regional Leste Fluminense do Sebrae).

Deixe uma resposta