Blitz da Saúde atrai 700 pessoas

0
1302
A procura pelo serviço foi grande

Cerca de 700 pessoas foram atendidas na “Blitz da Saúde” que aconteceu nesta sexta-feira (12/11) na Praça Orlando de Barros Pimentel. Servidores da Secretaria Municipal de Saúde aferiram pressão, verificaram massa corporal, avaliaram taxa de açúcar no sangue e fizeram exames preventivos do pé de diabético, das 9h às 14h, nos cidadãos que compareceram ao evento.

Uma das pessoas examinadas foi Wanda Pereira, de 76 anos, moradora do Boqueirão, que gostou muito da iniciativa da prefeitura. Diabética e hipertensa há 23 anos, disse que foi a primeira vez que seus pés foram avaliados: “Eu nem sabia que existia esse exame”, admitiu.

A coordenadora do Programa de Hipertensão e Diabetes, Silvana Maráu Waldheim, ficou satisfeita com o resultado da Blitz, ressaltando que o objetivo era descobrir novos casos das duas doenças.

“A maioria das pessoas não sabem que são hipertensas ou diabéticas, porque se tratam de doenças silenciosas, ou seja, muitas vezes não apresentam sintomas”, disse Silvana.

Para ela, a palavra de ordem da saúde é educar para prevenir: “com a prevenção, evita-se que o mal progrida para um estágio mais grave”, sinalizou.

No caso da diabete, por exemplo, quando chega a um grau de amputação da perna, pode gerar problemas de autoestima, relacionamento com a família e comprometimento no trabalho.        

“Daí a importância de iniciativas como essa”, finalizou a coordenadora.