Estudantes voltam às aulas em Maricá

0
1830
Professor Daniel Nunes durante seu primeiro dia de aula em 2011

Ano letivo inicia com boas novidades nas escolas

Cerca de 15 mil alunos da rede municipal de ensino de Maricá iniciaram o ano letivo de 2011 nesta quarta-feira (02/2). A secretaria de Educação apresentou várias novidades para a volta às aulas, como a distribuição de uniformes para os alunos, a contratação de novos professores, a reforma de várias escolas, ampliação do transporte escolar e abertura de novas vagas para o Ensino de Jovens e Adultos (EJA), entre outras. O bom nível do ensino oferecido pelas escolas do município vem atraindo um número cada vez maior de novos estudantes para a rede.

Um exemplo é o Colégio Joana Benedicta Rangel, no Centro, que recebeu 450 novos alunos e quatro dos 34 professores que foram aprovados no último concurso público. A escola, que tem em média 1,3 mil estudantes, também vai abrigar os alunos do Ensino de Jovens e Adultos pela primeira vez este ano.

“Gostei muito da boa estrutura da escola, que foi reformada e ampliada recentemente. Também achei interessante o fato de ter a possibilidade dos alunos receberem computadores portáteis ainda este ano. Isso nos abre várias opções para aperfeiçoarmos a nossa metodologia de ensino”, garante o professor de inglês, Daniel Nunes, um dos concursados que faz sua “estréia”, na escola Joana Benedicta Rangel.

Ampliação do Transporte Escolar

O governo do prefeito Washington Quaquá também ampliou o número de alunos atendidos pelo transporte escolar. Hoje são centenas de crianças que são transportadas, gratuitamente, pela prefeitura. Isso só foi possível graças a aquisição de três novos ônibus e quatro kombis que, desde o ano passado, servem aos alunos da rede municipal de ensino. Esse serviço também foi reforçado com a chegada de um outro ônibus que foi doado pelo Governo do Estado. Com a ampliação desse serviço, a secretaria de Educação vem atendendo muitas escolas que antes não usufruía do transporte escolar.

Atualmente são atendidas as escolas municipais Ataliba Macedo Domingues (Itaipuaçu), CAIC Elomir Silva (São José), Ana Maria Ignácio (Barra de Zacarias), Dilma Sá Rego (Jaconé), Brasilina Coutinho (Ponte Preta), Antônio Rufino (Gamboa) e Jacinto Luz Caetano (Caju).

Vagas no EJA – A diretora do Joana Benedicta Rangel, Mayka Iva Marques Fiore, afirmou que a escola vai absorver os alunos das turmas de Educação para Jovens e Adultos (EJA), que funcionava na escola Marcus Vinicius Santana. Serão quatro fases de ensino, com matérias equivalentes do 6º ao 9º ano do ensino fundamental. A EJA  é uma forma de ensino da rede pública no Brasil, com o objetivo de desenvolver o ensino fundamental e médio com qualidade, para as pessoas que não possuem idade escolar e oportunidade.

As inscrições estão abertas e os interessados podem procurar a escola que fica na Avenida Nossa Senhora do Amparo, 57, no Centro, munidos dos seguintes documentos: Xerox da Carteira de Identidade, comprovante de residência, declaração ou Certidão Escolar e três fotos. O curso tem duração de seis meses e as aulas acontecem diariamente, das 18 às 22 horas.