Asfalto aplicado na Rua 35, em Itaipuaçu

0
2783
Trecho da Rua 35 a partir da Estrada dos Cajueiros começa a receber pavimentação

Depois da Estrada de Itaipuaçu e da Rua Professor Cardoso de Menezes (Rua Um), mais uma importante via de acesso ao bairro está sendo pavimentada pela Prefeitura de Maricá. A Rua Trinta e Cinco, no trecho de aproximadamente dois quilômetros entre as ruas Um e a Sessenta e Seis, começou a ser asfaltada nesta terça-feira (18/9). Os trabalhos de drenagem foram realizados entre o fim de agosto e o início deste mês.

O comerciante Beto Lima, de 69 anos, mora no local há 38 e sabe a importância das melhorias em execução. “É algo que vai ajudar a desenvolver o Barroco, Recanto e o próprio Jardim Atlântico, porque vai facilitar o acesso", declarou.

O empresário Álvaro Mathias Santos, de 60 anos, fez uma analogia que, segundo ele, sintetiza os benefícios da obra. “É como a internet: se a pessoa utiliza uma conexão em banda larga, a informação chega mais rápido. Com as vias de acesso de qualquer lugar também é assim, quando ela está em boas condições. É melhor para quem vive e para quem vem trabalhar. Acho que este é o caminho”, apontou.

Manu Manuela – Perto dali, começou uma nova etapa da pavimentação do loteamento Manu Manuela, que irá completar o trecho final da Avenida Um e iniciar o trabalho na paralela Avenida Dois. Nesta segunda-feira, a via beneficiada foi a Rua Nove, que faz a ligação da Avenida Um com a Estrada do Catumbi.

Na via principal, o asfaltamento chegou à altura da construção da quadra poliesportiva entre as ruas 12, 13 e 25, onde serão instalados brinquedos para crianças e mesas para jogos. A intervenção está incluída no Programa Esporte e Lazer da Cidade (PELC) e é executada com recursos federais (R$ 195 mil) e contrapartida da Prefeitura de Maricá (R$40.582,71). O projeto foi elaborado pela Secretaria Municipal de Assuntos Federativos.

– “Quem viu esta área há 12 anos vê claramente os avanços", afirmou o oficial de Marinha Mercante aposentado José Alves dos Santos, de 62 anos.

Etapas – A Secretaria Municipal de Obras afirmou que as intervenções na cidade ocorrem em etapas, para que nenhum bairro fique sem receber melhorias. Como as duas máquinas de compactação e aplicação de asfalto precisam ser deslocadas conforme a conclusão da preparação, às vezes há um espaço de tempo entre as duas fases. 

“Os moradores podem ter a impressão de que uma obra foi interrompida em um determinado ponto, mas é importante deixar claro que todas serão concluídas e que as interrupções são momentâneas devido ao deslocamento das máquinas”, esclarece o secretário municipal de Obras, Fernando Rodovalho.