Prefeitura cede terreno em Itaipuaçu para Governo do Estado instalar escola de Hotelaria

0
1709
Risolia recebe termo de cessão de terreno em Itaipuaçu doado pela prefeitura ao Governo do Estado.

Local também vai abrigar a primeira unidade de ensino médio do 3º distrito

O distrito de Itaipuaçu poderá ganhar, em breve, uma unidade de ensino do Governo do Estado destinada à capacitação de mão de obra para o setor de Hotelaria, com a chancela do governo da França. O anúncio foi feito nesta terça-feira (27/11), durante uma reunião entre o secretário estadual de Educação, Wilson Risolia, e a secretária municipal de Educação de Maricá, Marta Quinan. O encontro, realizado na sede da secretaria de Estado de Educação, no Rio de Janeiro, oficializou a cessão, ao Governo do Estado, de um terreno da prefeitura, com 5.974m² e localizado no Jardim Atlântico, onde a escola de Hotelaria poderá ser instalada. No local, também irá funcionar a primeira escola de ensino médio do distrito de Itaipuaçu.

Segundo o secretário de Estado Wilson Risolia, a intenção é aproveitar o grande apelo turístico da região para implantar uma escola de hotelaria nos moldes do “Lycée  des Métiers Montaleau à Sucy en Brie", instituição francesa de excelência que oferece cursos completos na área, como os de cozinheiro, confeiteiro, barman e sommelier, entre outros. O secretário explicou que, em recente visita à França, estabeleceu parcerias com a Academia de Créteil, que corresponde, na estrutura de estado francês, à secretaria de Educação daquele país.

-“Recebemos esse terreno num momento muito propício. Voltamos da China e da França com diversos projetos a serem desenvolvidos para alavancar a educação em nosso estado, principalmente com a proximidade da Copa de 2014 e das Olimpíadas do Rio, e vislumbro em Maricá uma escola de hotelaria com a chancela francesa", explicou o secretário.

Segundo Wilson Risolia, até a década de 70, o Brasil se espelhava no modelo dos franceses, que privilegia o ensino técnico. "Lá, o tecnólogo é o responsável pelo funcionamento do país. Aqui, se prioriza o ensino superior", afirmou. "Hoje, um dos desafios é estabelecer uma vinculação entre o Ensino Médio e a formação para a vida profissional, a fim de antecipar a qualificação dos jovens para atuarem numa sociedade em franco crescimento econômico", acrescentou o secretário. "Temos de incentivar esse modelo de sucesso francês e por isso estamos investindo na implantação de escolas de ensino médio integrado e pós-médio”, completou.

Segundo Risolia, a construção da escola para atendimento de ensino médio regular em Itaipuaçu já está prevista no orçamento de 2013, ou seja, é uma ação que não depende da instalação da escola de hotelaria. O secretário ressaltou que ainda irá apresentar logo ao consulado francês a ideia de implantação da escola de hotelaria. "Usaríamos a estrutura da unidade para as duas finalidades, utilizando cerca de dez salas para cada uma delas. Em breve, pretendo visitar o terreno juntamente com representantes do governo francês para concretizarmos esse projeto. A previsão é que as obras comecem por volta do mês de abril”, antecipou o secretário.

Representando o prefeito Washington Quaquá, a secretária municipal de Educação, Marta Quinan, comemorou muito a novidade. “Essa parceria com o estado é primordial. Fico feliz que o terreno que cedemos ao Estado seja tão bem aproveitado, primeiro para oferecer à população a primeira escola de ensino médio da localidade e depois para esse projeto que vai possibilitar aos alunos participar de cursos de hospitalidade nos padrões dos que existem na França", destacou. É um grande avanço para Itaipuaçu, para Maricá e para toda a região”, concluiu.

A secretária Marta Quinan acrescentou que os investimentos da prefeitura em educação na região incluem ainda a construção, já em andamento, de uma creche com verbas do governo federal, além da instalação de uma nova escola de ensino fundamental, com previsão de início das obras em 2013. Também participaram do encontro no Rio a superintendente de Planejamento e Integração de Rede da Secretaria de Estado de Educação, Ana Paulo Velasco, e as subsecretárias de Educação Marianne Mary da Fonseca e Adriana Luiza da Costa.