Mostra de Cinema em homenagem às mulheres

0
937
Mostra começa com a exibição do filme "Mulheres do Brasil" nesta terça-feira, dia 05.03.

Hoje (05.03) às 19h, na Casa de Cultura de Maricá, começam as comemorações em Maricá ao Dia Internacional da Mulher (na próxima sexta-feira, 8 de Março). A subsecretaria municipal de Políticas para as Mulheres promove, em parceria com o Cine Clube Henfil, a “Mostra de Cinema Todas as Mulheres”, que terá em sua primeira sessão o filme “Mulheres do Brasil”. A mostra segue por todo o mês de março, encerrando no dia 26 com a apresentação do filme “Zuzu Angel”.

“Mulheres do Brasil” é um filme brasileiro produzido em 2006 e dirigido por Malu de Martino que conta a história de cinco mulheres de cinco regiões diferentes do Brasil: Malu de Martino (episódio "Telma"), Ledusha Spinardi (episódio "Laura"), Aninha Franco (episódio "Esmeralda"), Maria Helena Weber (episódio "Martileide"), Lúcia Guiomar Teixeira e Babe Lavenère (episódio "Ana"). O elenco traz atrizes como Camila Pitanga, Dira Paes, Luana Carvalho, Carla Daniel, Roberta Rodrigues e Deborah Evelyn.

A proposta da subsecretaria de Políticas para as Mulheres é transmitir informação, sensibilizar e oferecer uma atividade lúdica aliada a debates de temas como violência doméstica, tabus e preconceitos. Vale destacar que trinta minutos antes do início da sessão haverá a distribuição de senhas.

Programação
Dando prosseguimento à programação, no dia 12/03, às 19h, na Casa de Cultura de Maricá, será realizada a exibição do documentário “Silêncio das Inocentes”, com direção de Ique Gazzola e roteiro de Rodrigo Azevedo. Por meio de depoimentos de vítimas, autoridades e especialistas, o filme, com duração de 53 minutos, trata da violência contra a mulher e apresenta a atual realidade de algumas destas personagens brasileiras. Entre elas, a farmacêutica cearense Maria da Penha, que ficou paraplégica após ser baleada pelo marido.

No dia 20/03, numa parceria com o projeto “Golpe Militar de 1964: A História que Não foi contada”, realizado pela secretaria municipal de Cultura, a mostra aborda o papel desempenhado pela mulher em movimentos revolucionários. A partir das 19h, na Universidade Severino Sombra, serão exibidos dois curtas-metragens sobre duas figuras femininas de destaque. O primeiro é “Leila Para Sempre Diniz”, de Mariza Leão e Sérgio Rezende, que traz depoimentos sobre a atriz, símbolo da revolução feminina. O segundo é “Eh, Pagu, Eh”, de Ivo Branco, que conta um pouco da vida e da obra de Patrícia Galvão, a Pagu. Jornalista, escritora, poeta, diretora de teatro, desenhista e tradutora, que foi casada com Oswald de Andrade, Pagu participou do Movimento Antropofágico, foi militante comunista e a primeira mulher presa no Brasil por motivações políticas.

Encerrando a mostra, no dia 26/03, será exibido o drama brasileiro “Zuzu Angel”, dirigido por Sérgio Rezende e que traz no elenco Patrícia Pillar, Daniel de Oliveira e Leandra Leal. O filme conta a história de Zuleika Angel Jones, mais conhecida como Zuzu Angel, estilista brasileira, mãe do militante político Stuart Angel Jones e da jornalista Hildegard Angel. Zuzu teve seu filho torturado e assassinado pela ditadura militar.