Prefeitura entrega mais 336 cartões de transporte para universitários

0
1257

Programa ultrapassa marca de 1300 beneficiados

A Prefeitura de Maricá, por meio da secretaria municipal de Assistência Social, entregou na manhã da última sexta-feira (31/05) 336 cartões do programa Bilhete Único Universitário a estudantes que moram em Maricá e estudam em outros municípios. Com a chegada dos novos cartões, o número de beneficiados pelo custeio das despesas com o transporte universitário chegou a 1.336.

O evento contou com a participação da secretária municipal de Assistência Social, Laura Maria Vieira da Costa, da coordenadora municipal do projeto, Verônica Bastos de Assis, do subsecretário Jaderval Sá Rego, e de técnicos que auxiliaram a distribuição dos bilhetes, válidos até o fim do primeiro semestre de 2013.

Salete Sanches de Assis, de 51 anos, moradora de Itapeba, é estudante do 1º período de Comunicação Social da Universidade Estácio de Sá, em Niterói, e está entre os novos usuários do programa mantido pela prefeitura em parceria com a Federação de Transporte de Passageiros do Estado do Rio de Janeiro (Fetranspor). Salete voltou a estudar depois de criar três filhos, todos homens. O mais velho é médico radiologista e foi quem incentivou a mãe. “O Rio Card vai ajudar na despesa das passagens, pois a faculdade é particular e o orçamento em casa é pequeno”, declarou.

O aluno do 3º período do Curso de Dança da UFRJ, Alex Oliveira, de 21 anos, também estava feliz ao receber pela primeira vez seu Rio Card Universitário.“Vai ajudar bastante, pois gasto em média R$ 400 mensais com passagens, já que estudo na Ilha do Fundão, no Rio. Gabriela Moretti, de 24 anos, moradora de Ponta Negra, foi buscar seu Rio Card Universitário com a pequena Fernanda no colo. “Ela tem só dois anos, mas já está na creche. Tenho de estudar para melhorar nossa qualidade de vida e o cartão vai ajudar nas despesas”, disse.

Cada cartão concedido pela prefeitura é carregado mensalmente com o valor máximo de R$ 228,80. Para ter direito ao Rio Card, o estudante precisa comprovar que está matriculado com grade curricular de no mínimo três dias de aula por semana. A secretária municipal de Assistência Social, Laura Maria, ressaltou durante o evento de entrega dos cartões que se o estudante já possui um Rio Card Empresa, terá de optar pelo bilhete que for mais conveniente, já que a Fetranspor não aceita duplicidade de cartões em nome de um mesmo usuário. “Caso não haja pedido de cancelamento de um dos cartões, os dois contratos são anulados”, alertou a secretária.

Critérios e requisitos

A coordenadora Verônica Assis lembrou que, para ter acesso ao Rio Card Universitário, é necessário que o candidato apresente a documentação exigida – Carteira de Identidade, CPF, comprovante de residência, comprovante de matrícula, plano de estudos e frequência na universidade, entre outros -, para então fazer ou manter o cadastro na secretaria municipal de Assistência Social. “Essa documentação deve ser apresentada a cada seis meses”, para mantermos os dados atualizados”, enfatizou.