Começam comemorações pelo Dia da Criança em Maricá

0
734

Dois eventos no centro de Maricá na tarde desta quarta-feira (9/10) marcaram o início das comemorações pelo Dia da Criança na cidade. Enquanto a Casa de Cultura abriu suas portas para a exibição de um filme infantil, o Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) promoveu uma festa para as famílias atendidas. Os eventos foram acompanhados pela secretária municipal de Assistência Social, Laura Maria da Costa.

Quem foi ao CRAS participou de uma homenagem às crianças com apresentações de dança e uma explicação sobre a origem da data, que se tornou popular na década de 1950 influenciada por campanhas publicitárias. Os pequenos e suas famílias, todas atendidas pelo Centro, comemoraram com bolo, refrigerante e distribuição de presentes.

As crianças também se divertiram numa cama elástica. Natália, de 8 anos, aluna da Escola Especial Rynalda Rodrigues da Silva, teve as funções motoras e
mentais comprometidas após um afogamento, em que ficou sem oxigenação no cérebro. Atendida no CRAS, não escondeu a alegria ao receber a boneca que ganhou durante o evento. “Foi ótimo o convite do CRAS para essa festa, e ela ainda ganhou um presente”, elogiou a mãe, Cátia Cristina Bernardo, que mora com a filha no Boqueirão.

De acordo com Laura Maria da Costa, a secretaria promove festas semelhantes nas outras cinco unidades do CRAS e também no Centro de Referência Especial em Assistência Social (CREAS). “É uma festa para as famílias, com o intuito de reforçar os laços entre as crianças e seus pais”, frisou a secretária. Segundo a coordenadora do CRAS Centro, Véra Lúcia Serafim, o espaço atende atualmente a 85 pessoas com os mais diferentes perfis e classes sociais.

Comemoração do CREAS foi na Casa da Cultura

A programação do Centro de Referência Especializado em Assistência Social (CREAS) para o Dia da Criança foi na Casa da Cultura, com exibição de filme, pipoca e muitas guloseimas.

Crianças que fazem acompanhamento psicossocial no CREAS, acompanhadas dos responsáveis, assistiram encantadas a um desenho animado que abordou a importância da família e dos laços de amizade com direito a muitas aventuras.

A dona de casa Ariana Ferreira, 29, moradora de Araçatiba, participa do acompanhamento psicossocial com a pequena C., de cinco anos, e J., de um ano. “É um bom incentivo para as crianças”, opinou sobre a programação oferecida.

Maria Luiza, 62, levou a neta Maria, de 6 anos, para assistir ao desenho e a garota gostou muito. “Todos no CREAS são muito atenciosos. O trabalho é muito bom”, enfatizou. Zenaide Carvalho, 46, compareceu com a filha, M., de 15 anos. “Estamos há pouco tempo no CREAS, mas já noto melhoras no relacionamento em casa”, disse.

A secretária municipal de Assistência Social, professora Laura Maria Vieira da Costa, parabenizou as crianças e declarou que ter uma família é melhor do que ganhar presentes. “Crianças, obedeçam a seus pais; pais, respeitem seus filhos. Minha mãe tem 81 anos e é uma benção estar com ela”, declarou a secretária.

O CREAS é uma unidade pública de proteção especial, responsável pela oferta de orientação e apoio especializados a indivíduos e famílias com direitos violados, encaminhadas principalmente pelo Conselho Tutelar, Delegacia, Ministério Público, assim como demandas espontâneas. Atende demandas como abuso e exploração sexual, violência doméstica, medida socioeducativa, pena alternativa, idosos e portadores de deficiência física ou mental, situação de rua, dependência química, e erradicação do trabalho infantil. O CREAS funciona na Secretaria Municipal de Assistência Social, na Rua Domício da Gama, 386/398, Centro, Maricá. O telefone de contato é (21) 2637-3769.