Maricá marca presença na 53ª Feira da Providência

0
1020
Stand da secretaria de Cultura com produtos de artistas locais é uma das atrações do evento, que acontece até domingo

Em meio a culturas de diversas partes do mundo, Maricá tem seu lugar reservado na 53ª Feira da Providência, aberta ao público nesta quarta-feira (20/11) no centro de convenções Riocentro, no Rio de Janeiro. Um stand de 32 metros quadrados reúne dezenas de obras de 20 artistas convidados pela Prefeitura, numa exposição que revela a diversidade do artesanato local, produzido com granito, conchas, madeira, terracota e palha, entre outras matérias-primas colhidas de pontos da cidade como o Espraiado e Ponta Negra.

Além de admirar as criações levadas de Maricá, os visitantes terão a oportunidade de conhecer os próprios artesãos. Atração do primeiro dia da Feira, Benedita Rosa do Amparo Barros, de 63 anos, tem 20 deles dedicados ao artesanato. Carinhosamente chamada de Dona Benedita, ela faz peças de taboa, uma espécie de planta aquática retirada de brejos. Segundo Dona Benedita, suas peças mais elaboradas, como tapetes, levam cerca de duas semanas para ficarem prontos. No stand, ela demonstrou o seu processo de trabalho, trançando a palha que dá origem às obras.

A arte de Dona Benedita é passada através de gerações, mas segundo ela não há mais ninguém em sua família com real interesse em manter a atividade. Para que o trabalho dela e o de outros artistas não se perca, a secretaria municipal de Cultura anunciou que planeja realizar oficinas para que essas pessoas formem novos artesãos. Os artistas cadastrados darão aulas semanalmente, segundo o secretário Sérgio Mesquita. “Precisamos criar herdeiros culturais na cidade e manter viva a tradição do artesanato," ressaltou.

A presença de Maricá na Feira da Providência está sendo marcada também por apresentações teatrais e espetáculos musicais. Ontem, o Grupo DJota encenou a esquete “Inês de Casa, Inês que Casa” e o projeto Sala Cult animou os visitantes no palco do Riocentro com o show "Tributo à Chico", homenagem a Chico Buarque que já emocionou as plateias da Casa de Cultura de Maricá.

Apicultor há 20 anos, Luis Claudio Cole também conseguiu um espaço no estande da secretaria municipal de Cultura para expor pela primeira vez mel, própolis e pólen, provenientes das dez colmeias de seu apiário em Maricá. Segundo Cole, a expectativa é vender cerca de 40 produtos por dia.

O stand de Maricá está localizado no Pavilhão 3, em uma das áreas destinadas ao estado do Rio de Janeiro. A Feira da Providência acontece até o dia 24/11 no Riocentro, das 12 às 23h. Mais informações sobre o evento estão no site oficial www.feiradaprovidencia.org.br