Educação de Maricá ganha reconhecimento do Ministério Público

0
921

Os projetos e ações da secretaria de Educação de Maricá ganharam reconhecimento do Ministério Público. Na última quarta-feira (04/12), a secretária Marta Quinan apresentou os projetos da atual gestão para a promotora de Justiça de Tutela Coletiva de Proteção à Educação do Núcleo de São Gonçalo, Marcele Moreira Tavares Navega, que elogiou o trabalho realizado em Maricá. Entre as iniciativas apresentadas, foram destacadas a implantação da matrícula inteligente (sistema adotado este ano e que permitiu aos pais e/ou estudantes realizarem a pré-matrícula pela internet); a educação inclusiva voltada às pessoas com deficiência e o transporte escolar, que facilita o acesso dos alunos às escolas municipais.

A Tutela Coletiva da Educação Pública da região é sediada em São Gonçalo e, além do município vizinho, também compreende as cidades de Maricá, Itaboraí, Rio Bonito, Tanguá e Niterói. A promotoria está solicitando os planos de ações das cidades e se reunindo com os secretários de Educação de cada município. “Estamos muito felizes com esse reconhecimento porque demonstra que estamos no caminho certo. Toda equipe da secretaria trabalha com muita seriedade e responsabilidade, declarou a secretária Marta Quinan. “Somos conhecedores de que muito ainda precisa ser feito”, ressaltou.

Além destas ações, a prefeitura investe na valorização dos profissionais da rede de ensino. No início deste ano, a atual administração concedeu 8% de reajuste salarial, referente a 1º de janeiro de 2013, e 12,92% retroativo ao mesmo período de 2012 e que foram quitados em seis parcelas, sendo a última paga em novembro. E para o próximo ano letivo, a secretaria municipal de Educação prepara uma proposta de aumento salarial de 20%.

Outra importante medida do atual governo são as reformas das escolas. Desde 2010, 24 das 47 unidades da rede foram modernizadas. O pacote incluiu melhorias nos banheiros, substituição de pisos, colocação de novos ventiladores e de quadros brancos nas salas de aula, substituição de janelas, portas e esquadrias, troca das instalações elétrica e hidráulica, construção de quadras de esportes, além de pintura geral. Somente em 2013 foram entregues quatro escolas – Marquês de Maricá (Itaipuaçu), Carlos Magno Legentil de Mattos (Centro), Alfredo Nicolau da Silva Junior (Marquês) e Vereador Osdevaldo Marins da Matta (Santa Paula). Ao todo, Maricá atende 15.766 alunos na rede municipal.

A administração municipal também está priorizando a Educação Infantil. Ao todo, desde 2009, Maricá já entregou oito creches (a cidade não contava com nenhuma unidade na rede de ensino), lembrando que a rede municipal atende crianças na faixa etária de creche (dois e três anos) nas demais unidades escolares. Em maio deste ano, foram entregues duas novas unidades: Marilza da Conceição da Rocha Medina (Cordeirinho) e Professor José Carlos de Almeida e Silva (Inoã). No total, 1.202 alunos são atendidos nas creches.