Cineclube Henfil exibe documentário sobre a FLIM

0
346
Festa Literária de Maricá reuniu em outubro do ano passado mais de 20 mil visitantes, entre alunos da rede municipal, professores e público em geral

Curta-metragem sobre a primeira Festa Literária de Maricá, realizada em outubro de 2013, é a atração desta quarta-feira (14/05)

O público do Cineclube Henfil de Maricá irá assistir nesta quarta-feira (14/05) um documentário sobre a Festa Literária de Maricá (Flim), realizada pela primeira vez em outubro de 2013. O curta-metragem, produzido pela Secretaria Municipal de Cultura, reúne imagens de alunos da rede municipal descobrindo o universo da literatura e dos demais visitantes. A sessão é gratuita e inicia a partir das 19h. Trinta minutos antes serão distribuídas senhas de acesso à Sala Darcy Ribeiro, na Casa de Cultura (Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel, Centro).

O documentário, com 40 minutos de duração, também traz imagens dos shows do projeto municipal "Sob o Céu, Sob o Sol de Maricá", apresentações de poesias e contação de histórias. De 16 a 31 de outubro do ano passado, a Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel se transformou numa grande feira com 30 estandes e cada um com acervo de quatro mil livros. A Flim, organizada pela Prefeitura em parceria com a Associação Brasileira do Livro (ABL), recebeu mais 20 mil visitantes. Alunos de escolas municipais receberam "vales-livro" de R$ 30 da Prefeitura e compraram obras literárias e didáticas. Na feira, o público teve acesso a diversas obras de importantes editoras do país a preços populares.

A programação de maio contará ainda com documentários sobre o próprio Cineclube Henfil (21/05) – realizado desde dezembro de 2012 –, e curtas sobre a cultura do Espraiado (debulhar o feijão guando, Carnaval, Casa de Farinha do Espraiado e Casa de Farinha da Serra do Camburi),que serão exibidos na última quarta desse mês (28/05).

O projeto da Secretaria Municipal de Cultura foi reaberto com exibição de filmes gratuitos de grandes autores do cinema mundial. Já passaram pelas telonas do Cineclube clássicos de Alfred Hitchcock, Charlie Chaplin, Mazzaropi, além de musicais de Hollywood – "Cantando na Chuva" e "Chicago" –, documentários sobre as obras de Vinícius de Moraes, Carlos Drummond de Andrade, Violeta Parra, Pablo Neruda e Graciliano Ramos; além de filmes sobre o Golpe de 64, Carlos Marighella, Luís Carlos Prestes, Darcy Ribeiro, João Goulart e episódios de resistência da cultura africana, entre outros.