Procon começa a funcionar no terminal de Itaipuaçu

0
1832
Maria Lúcia, moradora do Jardim Atlântico, foi a primeira pessoa a abrir um requerimento no Procon de Itaipuaçu

Serviço é oferecido todas as terças-feiras, das 9h às 17h, na Central de Atendimento da Prefeitura de Maricá

A Prefeitura de Maricá abriu nesta terça-feira (19/08) mais um posto de atendimento do Procon, que fica localizado na Central de Atendimento do Terminal Rodoviário de Integração José Ferreira da Silva, em Itaipuaçu. A partir de agora, sempre as terças-feiras, das 9h às 17h, os moradores do distrito e adjacências têm acesso aos serviços gratuitos do órgão, como orientações sobre o Código de Defesa do Consumidor e abertura de requerimentos com denúncias de maus serviços prestados, sem precisar se deslocar até o Centro da cidade, onde existe a outra unidade.

O primeiro atendimento no posto foi de Maria Lúcia Sanches Pacheco, moradora do loteamento Jardim Atlântico. Ela comprou uma esteira para ginástica numa loja de artigos esportivos em junho do ano passado, mas o produto apresentou defeito logo nos primeiros dias de uso. "Eles erraram na montagem. Acionei a assistência técnica que enviou um funcionário à minha casa para resolver o problema. O próprio técnico condenou o produto, mas a empresa insiste em consertar. Quero meu dinheiro de volta", afirmou à moradora. "Ótimo ter esse serviço mais perto de casa. O atendimento foi excelente", completou.

Com a abertura do requerimento, o Procon entrará em contato com a empresa para solucionar o problema. "Vamos tentar a conciliação, mas se não tiver acordo em até 10 dias úteis, a denúncia será encaminhada ao judiciário", explica a atendente Rafaela de Oliveira, que é bacharel em Direito, acrescentando que as reclamações mais comuns ao órgão são referentes à telefonia, bancos (demora no atendimento e cobranças indevidas) e produtos com defeito ou entregues fora do prazo (eletrodomésticos e eletrônicos). Para abertura de requerimentos é necessário apresentar cópias da Identidade, CPF, comprovante de residência e documentos pertinentes à reclamação.  

Nos postos de atendimento da Prefeitura – Paço Municipal e terminal rodoviário de Itaipuaçu – também é disponibilizado o telefone (2637-2105 – ramal 218) da Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara Municipal. "É importante que a população conheça todos os canais para exigir seus direitos. Queremos fortalecer a ação do Procon em Maricá", reforçou o secretário de Fazenda, Roberto Santiago.

Central de Atendimento

Além do Procon, a Central de Atendimento da Prefeitura oferece de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, serviços das secretarias de Fazenda (abertura de processos de IPTU e emissão de carnê do imposto, consulta de processos, parcelamento de dívidas e emissão de ITBI); Direitos Humanos (inscrições no Programa Moeda Social Mumbuca); e Trabalho (vagas de empregos, inscrições para cursos de qualificação em parceria com o Senai e informações sobre seguro-desemprego, entre outros). "Diariamente, atendemos uma média de 70 pessoas. Também abrimos aqui um canal onde o contribuinte solicita serviços de pavimentação, que são encaminhados à Secretaria de Obras", informou a administradora da Central em Itaipuaçu, Jane Ferreira. "Em breve, ofereceremos um plantão semanal da Secretaria de Desenvolvimento Urbano", concluiu.

Serviço:

Procon Itaipuaçu – Terminal Rodoviário de Integração José Ferreira da Silva: Rua Professor Cardoso de Menezes, s/nº (antiga Rua Um). Terças-feiras, das 9h às 17h. Telefone: 2638-4982;

Procon Centro – Rua Abreu Rangel, 420, sala 111 (prédio da Casa & Vídeo). Segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. Telefone: 2634-1342. E-mail – proconmarica@marica.rj.gov.br;

Comissão de Defesa do Consumidor – Avenida Nossa Senhora do Amparo, 57 (Câmara Municipal). Telefone: 2637-2105 ramal 218;