Vice-prefeito de Maricá participa de ato público em defesa ao transporte gratuito

0
1148
Vice-prefeito Marcos Ribeiro e demais autoridades municipais lideraram ato público em defesa ao transporte gratuito no município

No último sábado (27/12), o vice-prefeito Marcos Ribeiro e demais autoridades municipais de Maricá lideraram um ato público em resposta à tentativa do monopólio de impedir que a população tenha o direito básico ao transporte gratuito. A manifestação que ocorreu na Rodoviária do Povo, no Centro da cidade, contou com a participação de centenas de pessoas, entre elas o presidente da EPT, Luiz Carlos dos Santos; o atual presidente da Câmara de Vereadores e recém-eleito deputado federal Fabiano Horta; a primeira-dama e recém-eleita deputada estadual Rosângela Zeidan e o vereador e recém-eleito presidente da Câmara Chiquinho. Em razão de um problema de saúde, o prefeito Washington Quaquá, que convocou a manifestação em defesa desse direito da população, não pode comparecer ao evento.

O ato ocorreu após empresários de ônibus da cidade solicitarem, na última quarta-feira (24/12), uma liminar na 5ª Vara Civil da Comarca de São Gonçalo para impedir o funcionamento da Empresa Pública de Transportes (EPT). O pedido não foi aceito pela justiça.

Com a implantação da EPT, Maricá é a terceira cidade no estado (as outras são Porto Real e Silva Jardim) e a primeira com mais de 100 mil habitantes a oferecer a tarifa zero. A iniciativa, integralmente custeada pela Prefeitura, é considerada um marco histórico no combate ao monopólio que há 40 anos controla os transportes públicos no município contra todos os interesses da coletividade. As quatro primeiras linhas saem do Recanto para Ponta Negra e vice-versa (via Manoel Ribeiro e Cordeirinho) e funcionam 24 horas, inclusive nos finais de semana. A população aprovou o serviço, tanto que nas primeiras 24 horas de operação, quando a presença dos ônibus vermelhos ainda não estava consolidada na paisagem da cidade, a EPT transportou cerca de 3 mil pessoas.