Fortalecimento de Vínculos promove evento para terceira idade

0
384
Idosos que participaram do evento tomaram conhecimento de todos os seus direitos, como benefícios da Previdência Social e o Registro Tardio

Na tarde de terça-feira (10/03), a equipe do Fortalecimento de Vínculos, equipamento da Secretaria Municipal Adjunta de Assistência Social, promoveu um evento para 60 idosos, no Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU), na Mumbuca. Durante o evento, o público foi orientado sobre direitos e saúde com a equipe do Programa de Atenção à Saúde do Idoso (PASI).

A coordenadora do Acolhimento Social, Matilde Sliachticas, foi convidada a apresentar os direitos dos idosos como, por exemplo, os benefícios da Previdência Social, o Registro Tardio, auxílio funeral, Moeda Mumbuca, o programa Idoso Mais Feliz, o passe livre em ônibus a partir dos 65 anos e a emissão de carteira do Passe Interestadual a partir dos 60 anos, além dos cursos e atividades que são oferecidos nos CRAS e na Casa do Idoso. "A informação muitas vezes não chega ao idoso e nosso dever é alcançar essas pessoas e informá-las sobre seus direitos", declarou Matilde.

Dando continuidade ao evento, a equipe do Programa de Atenção à Saúde do Idoso (PASI) deu uma pequena aula de cada especialidade. O fisioterapeuta Leonardo Teixeira ressaltou os fatores de risco que levam à queda na terceira idade e suas prevenções. O fonoaudiólogo Flavio Coutinho explicou que o processo de envelhecimento altera a comunicação, por isso a necessidade de um pronto diagnóstico fonoaudiológico.

Já a dentista Isabela Cadiz apresentou os cuidados necessários da saúde bucal, como escovar a prótese com escova de cerdas dura, observar possíveis lesões na gengiva ou na boca, pois não pode durar mais de quinze dias e sempre fazer bochechos com produtos antissépticos. As enfermeiras Isabel Honda e Daniele Santos orientaram sobre a importância da higiene corporal, os cuidados com a pele, observar quedas de cabelo, além dos cuidados com os pés e mãos para evitar algumas doenças.

A psicóloga Ana Claudia informou sobre os indícios de uma possível depressão que é difícil ser identificada, pois ainda hoje tratam como frescura sintomas de choros constantes, sonos profundos ou perda de apetite. O enfermeiro Jamil Barreto ensinou a manobra de Heimlich, que é a técnica do desengasgo. “A pessoa deve-se posicionar atrás do engasgado, fechar o punho e colocá-lo com o polegar estendido entre o umbigo e o osso externo, fazendo força com a outra mão. A pressão feita sobre o diafragma expulsa o ar dos pulmões, liberando as vias aéreas”, exemplificou Jamil.

A aposentada Mariza Penna, de 71 anos, achou interessante e esclarecedora todas as informações que foram ditas no evento. “Este encontro me fez entender muitas coisas relacionadas com os meus direitos que antes eram desconhecidas, além de todas as orientações na área da saúde. Fiquei muito satisfeita. Deveriam ter mais eventos como este", disse Mariza.