Cineclube Henfil apresenta “Uma Mulher Contra Hitler”

0
369
Filme retrata os últimos dias de Sophie Scholl, líder do grupo anti-nazista Rosa Branca e que foi condenada à morte aos 21 anos

Baseado em fatos reais, “Uma Mulher Contra Hitler” (2005 – Alemanha) é o filme desta quarta-feira (15/04) do Cineclube Henfil de Maricá, projeto da Secretaria Municipal Adjunta de Cultura, Ciência e Tecnologia. A obra, dirigida por Marc Rothemund, vencedor do Urso de Prata como melhor diretor do Festival de Berlim, retrata os últimos dias de Sophie Scholl, mártir alemã condenada à morte aos 21 anos por integrar o Rosa Branca, um grupo anti-nazista. A sessão é gratuita e será exibida às 19h, na Casa Digital (Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel, Centro).

Indicado ao Oscar como Melhor Filme Estrangeiro em 2006, “Uma Mulher Contra Hitler” também ganhou três prêmios no European Film Awards, nas categorias de Melhor Atriz (Julia Jentsch), Melhor Atriz – Voto Popular (Julia Jentsch) e Melhor Diretor – Voto Popular, além de um Urso de Prata para a atriz principal (Julia Jentsch).

Com 115 minutos de duração, o longa-metragem se passa no ano de 1943, com Hitler consolidando seu poder ofensivo contra a Europa. Em Munique (Alemanha), jovens universitários apelam para a resistência como forma de conter a máquina de guerra nazista e criam o Rosa Branca. A única mulher que participa do grupo é Sophie Scholl (Julia Jentsch). Enquanto distribuíam panfletos na universidade, Sophie e seu irmão, Hans (Fabian Hinrichs), são presos. Os dias que se seguem são de intensos interrogatórios conduzidos pelos oficiais da Gestapo, nos quais ela tenta proteger a qualquer custo os membros da organização. Mas são condenados à morte pela corte nazista por decapitação.

Sophie Scholl é reverenciada como heroína na Alemanha e ganhou uma homenagem no panteão do Valhala, monumento aos heróis tombados em combate. O movimento, que usava uma rosa branca como símbolo, é hoje imitado como esperança de paz, quando há manifestações fascistas: rosas brancas são jogadas em protesto pacífico.

Cineclube Henfil

Este mês, o Cineclube Henfil exibirá ainda dois filmes que abordam o nazismo, suas consequências e a queda do ditador Adolf Hitler. A programação inclui “A Fita Branca” (22/04) e “A Queda” (29/04). Já foram exibidos “O Ovo da Serpente” e “Alemanha, Ano Zero”.