Região litorânea de Maricá recebe mais pavimentação

0
759
Em Ponta Negra, as ruas da área conhecida como Santa Clara estão recebendo urbanização

Intervenções beneficiam localidade em Ponta Negra e avançam na via que vai compor sistema binário de trânsito

Equipes da Secretaria Adjunta de Obras de Maricá atuam em duas frentes na região litorânea da cidade. Em Ponta Negra, as ruas da área conhecida como Santa Clara estão recebendo urbanização enquanto, perto dali, a via que vai compor o sistema binário de trânsito ligando à Barra começa a ter o trecho inicial preparado. A intervenção viária começa às margens da Avenida Maysa Monjardim, na altura da Rua 141. Ali, a Avenida Reginaldo Zeidan (antiga Estrada Beira de Lagoa) teve seu leito alargado e está recebendo as últimas peças de meio-fio até a esquina com a Rua Manoel Fonseca, já em Cordeirinho, onde começa a parte pavimentada da via, que recebeu asfalto entre 2013 e 2014. 

Quando a obra terminar, o que deve ocorrer no segundo semestre, a Avenida Reginaldo Zeidan estará inteiramente pavimentada e sinalizada, pronta para atender aos motoristas que se dirigirem à Barra de Maricá e ao centro da cidade. Já a preparação da Avenida Maysa Monjardim – que fará a ligação no sentido Barra-Ponta Negra – depende ainda da resposta do governo do estado a um pedido do prefeito Washington Quaquá para que a estrada litorânea passe a ser de responsabilidade da Prefeitura. A solicitação foi feita em janeiro de 2014 através de ofício enviado ao Departamento de Estradas de Rodagem (DER-RJ). 

Na ocasião, o documento propunha ainda que em caso de a gestão apenas pelo município não ser possível, os dois governos passassem a compartilhar a administração da via. Durante uma visita do governador Luiz Fernando Pezão ao município, ocorrida em março deste ano, o prefeito afirmou que as conversas sobre a municipalização do trecho tiveram um bom avanço.

Santa Clara – Dentro de Ponta Negra, as obras que estão pavimentando as ruas internas da localidade de Santa Clara, entre a orla do bairro e a Rua Capitão José Caetano de Oliveira, estão bem adiantadas. A Rua Jorge Antunes de Souza (antiga Rua Seis), que corta a comunidade, já recebeu o trabalho de imprimagem do piso, assim como a curta avenida que liga as duas vias principais. As obras irão se estender até as ruas Dez, Onze, Doze e Treze, que ficam na parte oposta da região.