Vermelhinhos da EPT voltam a operar durante a madrugada

0
1848

Após o início da circulação das quatro novas linhas da Empresa de Transportes Públicos de Maricá (EPT), na última segunda-feira (07/09), mais um trajeto começa a operar na madrugada desta quarta-feira (09/09). A linha, que só opera durante a noite, passa a circular a partir das 22h desta terça-feira (08/09) e vai até as 4h20, indo do Recanto de Itaipuaçu até o terminal rodoviário do Centro e, de lá, para Ponta Negra e vice-versa. O roteiro do "Corujão" da EPT já vinha sendo operado antes da paralisação parcial obtida na Justiça pelo sindicato que representa as concessionárias. A diferença agora é que o intuito da operação é suprir a ausência dos coletivos das empresas que atuam nessas linhas e que param de circular durante o período noturno apesar da demanda observada no horário. Com isso, o sistema de Tarifa Zero que  colocou Maricá no centro dos debates nacionais sobre mobilidade volta a ser oferecido 24h por dia, sete dias por semana, de acordo com os interesses da população da cidade. 

Nesta terça-feira, primeiro dia útil após o início da atividade, passageiros ainda se habituavam com as novas linhas e buscavam informações sobre os itinerários com os despachantes e motoristas. No geral, porém, a novidade agradou. “Será ótimo para todos nós aqui”, afirmou o autônomo Antônio Esteves, de 44 anos, morador da Divinéia, na Barra de Maricá, que pegou um dos coletivos com destino ao Parque Nanci passando pelo Centro da cidade.

As quatro novas linhas atendidas pelos “vermelhinhos” beneficiam sobretudo áreas relegadas há anos pelas concessionárias.  A Linha 2 Santa Paula-Inoã, mais longa, terá 28 km e será circular, com previsão de 43 minutos de itinerário. O percurso mais demorado será na ida da Linha 1 Itaocaia Valley-Itaipuaçu, com 24,9 km e  previsão de 1h35 para o percurso (veja a relação de ruas abaixo e os itinerários nos mapas). A Linha 3 Parque Nanci-Barra de Maricá (via Araçatiba) tem 13,8 km de extensão nos dois sentidos, porém a ida tem previsão de 71 minutos e o retorno 29 minutos. Já a Linha 4 Espraiado-Divinéia (via Bambuí) tem 20 km de extensão e previsão de 38 minutos para cada percurso. O sistema, que continuará sendo gratuito, já transportou 1,8 milhão de passageiros desde dezembro do ano passado. A Prefeitura continuará ampliando a frota com outros 34 veículos, que serão entregues até dezembro e mantém as ações de fiscalização permanentes sobre as concessionárias.