Educação continuada será o foco da Prefeitura em 2016

0
827

O ano letivo da rede municipal de ensino de Maricá foi oficialmente aberto com um encontro de professores nesta segunda-feira (01/2), na quadra do C.E.M. Joana Benedicta Rangel, no Centro. Parte dos mais de dois mil profissionais de educação que atuam nas 55 escolas da rede lotou o espaço e ouviu a palestra do professor Davi Calderoni, pós-doutorado em Psicologia pela Universidade de São Paulo (USP) e reitor-organizador da Fundação Universidade Internacional de Invenções Democráticas Darcy Ribeiro (Unidar), que está em implantação no município.

Além de Calderoni, compuseram a mesa diretora do evento o secretário executivo de Políticas Sociais, Alexandre Rodrigues, os secretários adjuntos Daniel Neto (Educação) e André Braga (Economia Solidária e Combate à Pobreza), além da subsecretária de Educação, Mônica Rigó. Segundo ela, o foco da gestão este ano será na educação continuada dos profissionais. “Temos de oferecer cada vez mais subsídios para que haja mais conteúdo oferecido aos alunos, e nisso a formação continuada é fundamental. Teremos outras novidades, mas esta é a principal”, afirmou Mônica, que agradeceu a todos os mestres e diretores pelo acolhimento à nova proposta.

O secretário adjunto de Educação, Daniel Neto, disse que vai precisar da colaboração de cada profissional da rede para a consolidação dos planos. “O ano de 2015 foi complicado, mas vocês venceram. Hoje Maricá é uma referência em gestão de educação para o estado do Rio e temos que manter esse status”, ressaltou o titular da Educação.

Durante sua palestra, com direito a uma parte musical, o professor Davi Calderoni falou sobre o conceito de invenções democráticas, que ele definiu como maneiras criativas e solidárias de cooperação. O projeto já tinha sido apresentado a um pequeno grupo no mesmo CEM Joana Benedicta Rangel em dezembro, durante a visita do professor israelense Yaacov Hecht, criador do método batizado de “Educação Democrática”, que consiste em explorar as potencialidades dos alunos saindo do ambiente escolar tradicional. Durante sua fala, Calderoni abriu o microfone para que alguns do professores pudessem esclarecer dúvidas.