Prêmio Inovar de artigos acadêmicos é entregue em sessão solene da Câmara Municipal

0
454

Os cinco vencedores do primeiro concurso de artigos acadêmicos do Prêmio Inovar, oferecido pela Prefeitura de Maricá, receberam seus prêmios durante uma sessão solene da Câmara Municipal nesta terça-feira (16/02). Cada um ganhou um troféu e um certificado de colocação, além de um cheque com valor do prêmio. A vencedora foi a estudante de Enfermagem Juliana Franco Póvoa, de 21 anos, que ganhou R$ 5 mil pelo trabalho “Violência Obstétrica: o Papel da Enfermagem no fim desta Prática e a Instituição do Parto Humanizado”.

Em segundo lugar ficou Fabio de Aguiar Pacheco, de 27 anos, com o projeto “Rede Integrada de Atenção ao Egresso Prisional”, premiado com R$ 4 mil. Nas outras colocações ficaram Rodrigo Pinheiro Tóffano Pereira, doutorando em Edificações (terceiro lugar com “Gestão de Bens Culturais em Maricá-RJ: O Caso da Casa de Cultura”, prêmio de R$ 3 mil), Ana Carolina Marques Machado, 22 anos (quarto com “Plano Cicloviário – Centro de Maricá”, R$ 2 mil) e Fernanda Cassiano de Oliveira, 25 anos (quinto com “A Importância da Sala de Curativos Aliada com a CCIH e a Comissão de Curativos da Unidade Hospitalar”, R$ 1 mil). 

Todos eles falaram sobre a motivação para desenvolver seus trabalhos e agradeceram aos familiares e amigos, alguns presentes à cerimônia. “Sou uma aficcionada pela área da Saúde e acredito que o parto humanizado é sempre melhor para a mãe e para o bebê. Creio que Maricá tenha condições de abraçar esta causa e dar esse exemplo para o país, como tantos outros que já deu”, avaliou Juliana, que agradeceu ao apoio dos pais e à organização do concurso pela oportunidade.

Na mesa diretora da solenidade estavam os secretários executivos Carlos Manoel (Chefia de Gabinete) e Alexandre Rodrigues (Políticas Sociais), ambos titulares das pastas responsáveis pela organização do concurso. O objetivo do prêmio, lançado em julho do ano passado, é estimular a produção científica no sentido de elaborar novas políticas públicas para Maricá.

Nesta primeira edição, o concurso reuniu 22 monografias nas cinco áreas temáticas (Desenvolvimento Econômico e Social, Urbanismo e Meio Ambiente, Direito e Gestão Pública, e Saúde e Biomedicina). De acordo com a coordenadora Pâmela Valdez, a próxima edição já está sendo preparada e terá inscrições abertas em breve. “Vamos ter novidades como um número maior de áreas temáticas, mais prazo para elaboração e inscrição dos trabalhos. A forma de avaliação também vai mudar. O novo edital virá com o valor da pontuação máxima de cada item a ser avaliado pela comissão julgadora”, afirmou Pâmela, acrescentando que a prioridade é sempre a transparência do processo, que foi importante para os concorrentes.