Evento reuniu empresários de Maricá e região no Cine Teatro Henfil

Cerca de 150 empresários de Maricá, São Gonçalo, Itaboraí e Rio Bonito participaram do 1º Encontro de Negócios nesta quarta-feira (12/9) no Cine Teatro Henfil. O evento foi organizado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Comércio e Petróleo, em parceria com o Sebrae/RJ e a Rede Petro Rio. O objetivo foi de fortalecer as atividades econômicas do município e os empresários locais, além de promover um intercâmbio através das rodadas de negócios.

O empresariado teve a oportunidade de conhecer as ações que vem sendo realizadas pela Prefeitura para melhorar a infraestrutura da cidade com foco na atração de investimentos e também o sistema de gestão para facilitar o empreendedorismo.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Alan Novais, destacou a grande participação de mulheres empreendedoras presentes no evento. Além disso, Alan reforçou que o foco da Prefeitura é incentivar o empresário local e atrair novos empreendedores.

“O Rio caiu em 30% do PIB nacional entre 1970 e 2014. A falta de indústrias gerou a decadência no desenvolvimento do Estado. Em 1985 ocupávamos a segunda posição na indústria de transformação e caímos até 2014. O próximo Governo do Estado precisa ter atenção à reativação dessas indústrias. Maricá nos últimos 30 anos teve um crescimento habitacional muito grande e precisamos ter um olhar sobre de que aumentam-se os negócios diante da expansão do consumo e do comércio interno.”, acredita.

Alan Novais ainda lembrou as funções a serem executadas pela Prefeitura através Secretaria de Desenvolvimento. Entre elas, facilitar a abertura de negócios na cidade, capacitar os empresários locais por meio dos cursos do Sebrae, demandar o Poder Executivo a priorizar a compra com empresários e comerciantes de Maricá, além de facilitar o acesso ao crédito para os empreendedores da cidade com taxas de juros mais baixas que as praticadas no mercado.

“Vamos realizar um censo na cidade para mapear o número real de empresários, comerciantes e quais os segmentos atuam em Maricá. Assim, o município terá subsídios para implementar as políticas públicas de capacitação e apoio a esses setores”, disse.

As apresentações sobre os projetos desempenhados pela Prefeitura foram feitas pela Secretaria de Desenvolvimento, a Companhia de Desenvolvimento de Maricá (Codemar) e a Secretaria de Indústria e Portuária.

O presidente da Codemar, José Orlando Dias, falou sobre a importância do petróleo no desenvolvimento do município. Entre as ações promovidas pela Companhia, Orlando afirmou o interesse de redes hoteleiras de se instalarem em Maricá.

“Temos cadeias de hotéis nos procurando. Tem empresa ligada à gastronomia e serviços gerais e limpeza de aeronave em contato, além de escolas de treinamento. Isso já está em movimento no município. A Codemar está tendo o cuidado de mapear o arranjo criativo dessa cadeia de empresas”, afirmou referindo às operações de logística offshore que devem iniciar no aeroporto de Maricá. Orlando ainda reforçou o papel do Parque Tecnológico que vem sendo projetado que trará investimentos e empresas ligadas à tecnologia e inovação, além da vinda de universidades.

Já o secretário de Indústria e Portuária, Igor Sardinha, atualizou o processo de licenciamento da obra do Porto de Jaconé, maior empreendimento privado do país. Ele explicou que haverá reuniões entre Ministério Público, Prefeitura de Maricá, empreendedores e órgãos ambientais para discutirem o futuro do empreendimento que deverá gerar cerca de 10 mil empregos e demanda por serviços indiretos.

Os comerciantes aprovaram o 1º Encontro de Negócios. “O evento foi uma iniciativa muito importante e acho que o poder público está entendendo a necessidade de motivar e preparar o empresário que aposta na cidade e que deseja fazer com que Maricá tenha sustentabilidade para seu negócio provendo um espaço melhor”, comentou Adriana Cotrim, empresária do Sítio Alto Espraiado.

Juliana Marinonio, do Sebrae Leste Fluminense, destacou o trabalho em parceria. “O Sebrae é uma instituição que não trabalha sozinha. Sem a Rede Petro e a parceria com a Prefeitura não conseguiríamos fazer um evento como este onde as pessoas estão acreditando no que virá. Maricá está fazendo um trabalho maravilhoso com relação aos empresários locais, além de apresentar as perspectivas de negócios. Temos cursos aqui que foram realizados pela prefeitura de forma gratuita para o empresário”, disse.

Rodada de negociações – Os empresários se reuniram após as palestras para apresentarem seus negócios aos colegas empreendedores. As rodadas de negócios permitiram uma troca de experiência e oferta de produtos entre os empreendedores.

O evento contou com a participação do presidente da Associação Comercial de Maricá, Jorge Braga, do presidente do CDL e do Conventions, Visitors & Bureau Maricá, Paulo Rocha, da representante da Rede Petro, Rafaela Rosa.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here