Instalação das últimas peças pré-moldadas que vão escoar águas das chuvas por baixo da RJ-106 - Foto: Marcos Fabricio

A mais complexa etapa da obra de macrodrenagem em São José de Imbassaí foi finalizada nesta semana, com a instalação das últimas peças pré-moldadas que vão escoar águas das chuvas por baixo da rodovia RJ-106, na altura do quilômetro 22. Na lateral da pista sentido Tribobó, começaram a ser montadas as manilhas com 1,5 metro de diâmetro que vão compor a nova rede vinda da Estrada Joaquim Afonso Viana (antiga Estrada da Cachoeira), que será completada por outra com tubos de 1,2 ao longo da via. Uma grande caixa de passagem será montada para unir estas com a rede maior, e também terá uma ligação com as galerias pluviais já existentes no acostamento, vinda da área do futuro Hospital Municipal Dr. Ernesto Che Guevara.

Uma equipe de técnicos da Secretaria de Obras de Maricá visitou o canteiro nesta terça-feira (13/11) para tratar da recomposição do asfalto no trecho da rodovia, cujo leito foi danificado por conta da intervenção. Ficou decidido que o novo piso da estrada será colocado logo depois do feriado prolongado que começa nesta quinta-feira (15/11). Para não prejudicar o movimento de veículos em direção à Região dos Lagos, previsto para começar na tarde desta quarta-feira (14), foi feito apenas um serviço de ‘tapa-buracos’ na pista em direção a Maricá.

Iniciada no dia 29 de outubro, a obra de macrodrenagem substituiu a antiga galeria que havia no local. Ao final da implantação da tubulação, as estruturas vão seguir o curso beirando a Avenida Marajó até a altura da Estrada Real de Maricá, onde a pequena ponte sobre o canal será retirada para dar lugar a uma nova passagem para a via. A Secretaria de Obras informou ainda que, em seguida, terá início a urbanização de ambas as vias (Avenida Marajó e Estrada Real) até a entrada do condomínio Bosque de Itapeba, o que vai consolidar um corredor alternativo de trânsito de aproximadamente dez quilômetros entre o loteamento Manu Manuela e o Centro da cidade, terminando na ponte da Mumbuca.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here