Quem visitou o Serviços Integrados Municipal (SIM), no Centro, na manhã desta sexta-feira (9/8) pôde degustar aipim frito e chá de erva-cidreira numa ação da secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca. Parte da mandioca servida é fruto das 10 toneladas colhidas na Fazenda Ibiaci, no Espraiado, realizada na última terça-feira (6/08).

Além da degustação, os contribuintes puderam levar para casa pedaços de abóbora, saquinhos de aipim orgânica, fresca, descascada, higienizada e embalada a vácuo, num total de 60kg, e 50 mudas de plantas como araçá-pera, laranja campista, mexerica, jenipapo e, ingá, dentre outras.

“Além dessa entrega de hoje, conseguimos distribuir aipim para diversas escolas. Queremos proporcionar à população a oportunidade de degustar a qualidade dos produtos que estamos produzindo em nossa fazenda”, declarou o secretário da pasta, Júlio Carolino.

O cozinheiro Rogério da Silva, de 48 anos, morador de Inoã, provou e aprovou a qualidade da aipim. “Sensacional. Bem macia e saborosa. Não sabia que era um produto daqui, plantado na nossa cidade”, ressaltou. A aposentada Eliane Rodrigues, de 52 anos, esteve no SIM para retirar a segunda via de seu IPTU e ficou surpresa com a ação. “Adorei. Muito gostosa e bem fresquinha. Estou levando para casa um saquinho de mandioca e vou preparar hoje mesmo”, frisou.

Vanda de Assis Teixeira, de 44 anos, foi ao SIM para buscar ajuda do Procon e também levou o aipim. “Temos que incentivar mais e mais atividades que valorizem o cultivo e o plantio da nossa terra”, destacou. Vera Lúcia Ferreira, de 69 anos, fez questão de levar para casa uma muda de ingá. “Muito legal essa iniciativa que incentiva o cultivo familiar. Eu tenho pé de figo, caqui e uma pequena horta, com alface, rúcula, repolho, alho-poró e bertalha”, destacou.

Quem também quer fazer sua própria horta em casa é a moradora do Jacaroá, Cátia Lemos, de 58 anos. “Estou começando a plantar porque acho muito importante e adoro ter contato com a terra. Por meio de ações assim, estamos vendo como nossa terra é produtiva. Temos que conscientizar a população para plantar mais”, ressaltou Cátia, que levou uma muda de jenipapo e um saco embalado de aipim orgânico.

 

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here